Leite e deputados sepultam futuro do Rio Grande do Sul
Data de publicação: 24 Abr 2019
Fim da exigência do Plebiscito foi aprovada com 40 votos sim e 13 votos não

A aprovação do fim do Plebiscito para privatizar estatais, significa o fim das reservas econômicas e financeiras do Estado. De agora em diante, o apequenamento será a regra.

A sociedade gaúcha não vai ter mais serviços públicos. Terá que pagar por saúde, segurança, educação, etc. Os serviços de água, telefone, energia que já tinham sido privatizados, mostram que tudo ficou pior e mais caro.

Da mesma forma que no governo federal. Leite e Bolsonaro são duas faces da mesma moeda. Moeda que atende os interesses do mercado financeiro.

Quem sobreviver infelizmente verá. Ou pagará caro para ver.

Sérgio Arnoud
Presidente Fessergs e CSB RS