Vitória dos Servidores: Governo não tem quórum para aprovar divisão do IPE
Data de publicação: 27 Fev 2018
Novamente o governo do estado saiu derrotado na Assembleia ao não aprovar a divisão do IPE - Instituto de Previdência do Estado - em saúde e previdência.
 

Segundo o presidente da Fessergs - Federação Sindical dos Serv. Públicos do RS, Sergio Sérgio Arnoud, esta é uma medida eleitoreira e desnecessária, pois o Instituto já faz esta separação. Além disso, a iniciativa visa a criação de mais cargos diretivos em ano eleitoral, obsessão do PP e de Otomar Vivian. A Fessergs, com o respaldo da CSPB - Confederação dos Servidores Públicos do Brasil, Central dos Sindicatos Brasileiros e CLATE - Confederação Latinoamericana e do Caribe de Trabalhadores Estatais, segue mobilizada, juntamente com as demais entidades sindicais gaúchas, em defesa da Previdência e Saúde pública e solidária.

Tatiana Danieli
Jornalista - MTB 8781

t

o

p