Fessergs exige pagamento em dia e vê vitória na prioridade aos menores salários
Data de publicação: 25 Set 2017
 

Para o presidente da Fessergs, Sérgio Arnoud, "a prioridade no pagamento aos menores salários é uma vitória da pressão organizada das entidades representativas dos servidores, mas a luta continua pelo pagamento em dia para todas as categorias". Segundo o dirigente, "pagamento em dia é obrigação de qualquer empregador, principalmente no serviço público, onde os prejudicados não são apenas os servidores e suas famílias, mas toda a sociedade que depende dos serviços públicos". O presidente lembra ainda que os servidores estão ao abrigo da liminar obtida pela Fessergs que garante o pagamento dos servidores que não tiverem condições materiais para irem trabalhar. "A liminar favorável conquistada impede que o governador corte o ponto de quem não tiver dinheiro nem para o deslocamento ao local de trabalho. Muitos servidores chegam à situação de escolher entre comer ou pagar uma conta".

Diante da continuidade deste quadro de atrasos, parcelamentos e congelamento de salários, onde incertezas se abatem sobre mais de um milhão de servidores, dependentes, aposentados e pensionistas, a Fessergs convoca a todos para um Grande Ato Unificado que realizará junto com o Movimento Unificado dos Servidores, dia 29. sexta-feira, a partir das 13 horas no Largo Glênio Peres, em frente ao Mercado Público.

Tatiana Danieli
Jornalista Diplomada - MTB 8781
 

t

o

p