Fessergs entra com medida judicial contra corte nos salários

Publicado no dia 28 Set 2015
Servidores estão recebendo contra-cheque com desconto

Como os servidores estão recebendo seus contra-cheques com corte nos salários referentes aos dias de paralisação, a Fessergs ingressou hoje (29) com medida judicial visando impedir o desconto dos dias parados para todos os servidores públicos do Rio Grande do Sul. "É inadmíssivel esse desconto. O governo não tem autoridade autoridade legal, e muito menos moral, para penalizar os servidores que receberam seus salários com atraso e parcelados", afirmou o presidente da Fessergs, Sérgio Arnoud. A Assessoria Jurídica da Federação aguarda manifestação da Justiça. A Fessergs também já solicitou audiência com o Chefe da Casa Civil, secretário Márcio Biolchi, para discutir o corte de ponto dos funcionários que aderiram às manifestações.

Tatiana Danieli
Jornalista Diplomada - MTB 8781
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Porto Alegre, 19 de fevereiro de 2019